ESCOLA DE MÚSICA - ELLAM

CRISTO É UMA QUESTÃO DE OPÇÃO

CRONOLOGIA BÍBLICA

CRONOLOGIA BÍBLICA

terça-feira, 30 de abril de 2013

PORQUE SURGIU O PROTESTANTISMO



                      PORQUE SURGIU O PROTESTANTISMO

- Era cedo, manhã dia de quinta-feira, vou ao meu escritório sento em minha cadeira ligo o computador acesso a internet e no meu facebook, estava escrito palavras apimentadissima repletas de acusação e um desafio; Sou protestante convicto aceito o desafio, e vou provar quem são os idólatras e os levianos.
                                                            


- Pra começar é bom que o autor dessa matéria aprenda um mínimo de história para que possa levantar suas teses baseadas em fatos reias, e não em suposições.

- Comecemos, de onde e porque surgiram os protestantes.

- Ele vieram a existir devido as más praticas das atitudes tortas e dos erros de alguns maus católicos; Criou-se então uma contestação contra a venda de indulgencias determinada pela igreja católica. O que se diga de passagem isto é uma vergonha.

- Dá recusa em aceitar essa imposição da igreja, levanta-se dentro da igreja um homem padre lúcido versado na bíblia, (alemão da cidade de Eisleben), com sua voz denuncia a estupidez da igreja, logo a ele junta-se um grupo de homens que reconhecem a verdade por ele declarada.    

- Após as 96 teses declaradas por Lutero, algo novo acontece e surge para o bem dos escravizados e explorados cristãos católicos primeiro na região da Alemanha e depois toma o mundo inteiro, o homem é salvo através da graça de Deus.

- Lutero denuncia a venda das as indulgência que era a remissão (parcial ou total) do castigo temporal imputado a alguém por conta dos seus pecados, fato este apoiado pelo papa e todo o auto clero da igreja. Após a derrubada dessa infâmia o mundo desperta, e surgem os protestantes que protestam até hoje, e eu sou um deles.  

- Como um Apologista apaixonado que sou, luto pela verdade do evangelho, vendo o que vi não posso ficar calado diante de uma afronta desqualificada, ausente de verdade e cheia de aberração e abominação contra os protestantes.
 
                   PORQUE SURGIRAM OS PROTESTANTES 

   A palavra protesto é aplicada a uma classe ou a uma pessoa, que faz uso de um posicionamento contrario diante de um fato ou questão, ou seja, é a pessoa que não aceita e nem concorda com certezas ideias. 

   Foi assim que dentro do ceio da igreja católica levantou-se um protesto contra a forma e o uso equivocado do evangelho, praticadas  por alguns  cleros. 

    Lutero não levantou-se dentro da igreja contra a igreja e sim contra o que estava sendo feito contrario a igreja, dentro da própria igreja (católica). Martinho Lutero foi o fundador do luteranismo, era um sacerdote agostiniano e professor de teologia, germânico, ele foi a figura central da chamada “Reforma Protestante”.

   Desse período muitas amargas lembranças ficaram, mortes e destruição em nome da religião, lembranças de coisas nada agradáveis. É assim em troca do perdão criou-se um comércio lucrativo através das indulgencias, slogan vende-se perdão dos pecado, que triste e desagradável comércio de Deus.

   Rebelando-se Lutero confronta-se ao vendedor de indulgências Johann Tetzel, homem nomeado pelo papa afim de arrecadar os dividendos para financiar a igreja para a  ampliação da basílica de S. Pedro em Roma, em 1517.
NOTA:
- Sempre existiu um templo dedicado a São Pedro em seu túmulo, inicialmente extremamente simples, com o passar do tempo, os devotos foram aumentando o santuário, culminando na atual basílica. A construção do atual edifício sobre o antigo começou em 18 de abril de 1506 e foi concluído em 18 de novembro de 1626, sendo consagrada imediatamente pelo Papa Urbano VIII. A basílica é um famoso local de peregrinação, por suas funções litúrgicas e associações históricas. Como trabalho de arquitetura, é considerado o maior edifício de seu período artístico.

  Como já descrevi as indulgências era baseadas na remissão total ou parcial, das penas que cada um devia sofrer, na terra ou no purgatório, pelos pecados cometidos; - (isto é uma pagina negra vivida pelo cristianismo, foi e é ao ser rememorado um ultraje uma vergonha para o cristianismo).

 - Digo com toda firmeza e certeza que pagar para ser anistiado totalmente ou parcialmente dos pecados cometidos, é o mesmo que invalidar o sacrifício de Cristo na cruz pelos pecados do homem, é um ultraje vergonhoso ao sacrifício vicário de Cristo,  feito por uma organização religiosa.

  O papa da época Leão X, em 1520 manda Lutero recusar  as suas teses, ele então escreve a sua recusa ou seja a não retirada de seus escritos. Assim no ano de 1521 com o Imperador Carlos V na dieta de Worms é consumada a excomunhão pelo Papa e a condenação de Lutero como um fora-da-lei, pelo imperador do Sacro Império Romano. 

  Terminamos aqui com breves pinceladas, onde estabelecemos um conhecimento prévio e parcial de “como e porque surgiu o protestantismo”, o protestantismo existe hoje pelos erros infames praticados pela igreja católica, que não param por ai, coisas mais absurdas ainda são feitas enganando uma multidão de povos em todo mundo.
                                  O QUE É IDOLATRIA 

  Outro detalhe levantado foi sobre a Idolatria, e eu quero descrever sobre ela, finalmente o que é idolatria, idolatria é todo objeto colocado no lugar que é exclusivo e restrito para Deus. 

  Vejamos agora o atropelo de ideia do católico para essa questão, segundo o catolicismo a igreja não pratica a idolatria porque os “santos” não são colocados acima de Deus, eles são apenas pessoas intermediarias que agem como intercessores.

 Tenho perguntas a fazer.

Onde se atesta na bíblia que um morto fala que anda e que sirva de  intermediação na presença de Deus?

Quando algum católico encontrar este versículo na bíblia, a bíblia que conhecemos devera ser reescrita novamente.

 Bem e o que a bíblia ensina?, ela declara que só existem duas relações básicas para nos achegarmos a presença de Deus, o primeiro apresentado na bíblia foi apresentado pelo próprio Jesus, ele é chamado de o consolador. Veja abaixo:

João 14
  16  E eu rogarei ao Pai, e ele vos dará outro Consolador, a fim de que esteja para sempre convosco.
   17  o Espírito da verdade, que o mundo não pode receber, porque não no vê, nem o conhece; vós o conheceis, porque ele habita convosco e estará em vós.

Quem é o Espírito Santo.

1 – Jesus “roga”, ou pede ao Pai que envie outro Consolador;
2 – O “outro Consolador” não pode ser Jesus, porque Jesus pede ao Pai que o envie;
3 – O “outro Consolador” não pode ser o Pai, porque seria redundante Jesus pedir ao Pai que envie a Si mesmo;
4 – O “outro Consolador” é o Espírito da Verdade, e também é o Espírito Santo (verso 26);
5 – Então o “outro Consolador” é um terceiro elemento (Deus), pois será enviado pelo Pai (não é o Pai) e não pode ser Jesus.

    Este é realmente um raciocínio contundente?. 
    Deixemos que a Bíblia explique melhor quem é o Consolador. O livro de João nos traz essa informação, João 15:26-27

Quando, porém, vier o Consolador, que eu vos enviarei da parte do Pai, o Espírito da verdade, que dele procede, esse dará testemunho de mim; e vós também testemunhareis, porque estais comigo desde o princípio.

   Jesus disse que o “Consolador” seria enviado da parte do Pai.
   Também disse que o Consolador é o “Espírito da verdade”. 

   Esta mesma informação é dada no capítulo 14:16-17, que analisamos a pouco. Jesus vai mais além com novas informações. Jesus diz que o Consolador “procede do Pai”, ou seja ele é está intimamente relacionado com o Pai. Em outro lugar, diz que o “Consolador” dará testemunho dEle:

O Consolador, que eu vos enviarei da parte do Pai ... esse dará testemunho de mim” – verso 26.

     Este é o ensinamento bíblico, ele revela a presença da trindade sendo o Espírito Santo a presença do terceiro elemento de Deus, hoje na terra, ocupando o lugar de Cristo, fazendo a obra de Deus.
Veja qual é a função do Espírito santo.

Romanos 8:26-27

26  Da mesma forma o Espírito nos ajuda em nossa fraqueza, pois não sabemos como orar, mas o próprio Espírito intercede por nós com gemidos inexprimíveis.
27  E aquele que sonda os corações conhece a intenção do Espírito, porque o Espírito intercede pelos santos de acordo com a vontade de Deus. 

    Em momento algum é visto que um defunto seja celebrado na bíblia com essa função, lugar de defuntos é na cova para ser transformado em pó.

  "No suor do teu rosto comerás o teu pão, até que te tornes à terra; porque dela foste tomado; porquanto és e em te tornarás."  (Gênesis 3 : 19)

  Maria e todos os outros Santos, que se diga de passagem a etimologia do nome santo significa ser separado. E quero deixar bem claro respeito Maria e todos os outros santos, mas colocar eles no lugar onde a bíblia não permite, é desvario.

Agora faço questão de colocar uma “dinamite” nas mãos da ideologia católica.

    Me apresente um outro “mediador” que sendo humano morreu e ressurgiu em um corpo glorioso, onde se encontra na bíblia,  resolvam se poderem sem adulterar o texto bíblico abaixo.
I Tomótio 2:5-6
5 Porque há um só Deus, e um só Mediador entre Deus e os homens, Cristo Jesus, homem,
6 o qual se deu a si mesmo em resgate por todos, para servir de testemunho a seu tempo;

   Eu gostaria de comentar o que se encontra escrito acima mais vou me omitir por achar desnecessário, visto que não sou idiota a ponto de não querer enxergar o que a bíblia descreve de forma clara.

   Agora se você insiste em dizer que existe um outro mediador entre Deus e o homem, eu sou forçado a perguntar quem é ele, e quem o criou, porque ele na é descrito e nem apresentado em parte alguma da bíblia?

   Com uma só resposta responderei as duas perguntas.

   Em uma matéria da revista Época (os santos em crise), ela relata  que a igreja católica possui mais de 3.000 três mil santos canonizados, qual é a função dos santos são venerados ou não, servem como mediadores e intercessores ou não, são colocados antes de Deus ou não, já que os milagres são dirigidos a eles e não a Deus.

    Onde e qual é a igreja que os veneram?. A ponto de colocar este vergonhoso slogan “ Tudo com Jesus, Nada sem Maria”, defunto não fala não anda não ouve e não vê, só Cristo levantou-se dos mortos, porque era o Emanuel Deus conosco, Maria nunca ela foi uma criatura de Deus.  

   Será que eu preciso reaprender a bíblia, mesmo depôs de mais de 38 leituras feitas, isto lá pelos meados dos anos 90 parei de contar, confesso hoje já não sei quantas vezes já li; E coloco uma agravante RASGO e faço picadinho por cima toco fogo no meu diploma de bacharelado.      
  
Agora apresento um problema sério para a igreja Católica Romano resolver 

    Se “Jesus e o Espírito Santo” são os únicos Intercessores entre Deus e os homens segundo o que consta na bíblia!.

    Quem dirige suas preces aos santos “As dirigem a Quem”?; Outra pergunta inerente a esta se existe resposta para essas preces quem as responde, vamos caminhando devagarzinho que chegaremos a conclusão.
 
   Entre todos os homens que já passaram sobre a face da terra somente um ressuscitou de entre os mortos vocês sabem disto, todos os outro estão mortos, não existe um que tenha voltado da sepultura para contar a sua experiência após vida.

Eu particularmente não consigo entender como é que existem pessoas que não veem que um defunto não pode Falar não pode Ouvir e não Vê.

   Se algum Católico mostrar através da bíblia um relato onde uma outra pessoa além de Jesus foi ressuscitada, e que subiu aos céus e encontra-se a dextra de Deus, servindo como intermediário entre Deus o homem, eu estou interessado em conhecer, e serei forçado a trocar a minha concepção teológica.

    É impossível, não se vê na doutrina apresentada pelos santos (separados) apóstolos, uma outra pessoa que não seja Jesus, não existe outro homem ressuscitado, nem um outro substituto existe.

   Os outros que são apresentados são uma farsa, e isto é uma fraude contra o evangelho, é uma heresia estúpida, defendida de forma vergonhosa, para enganar os incautos. Coitados dos santos e de Maria que nem sabem dessa diarreia mental. 

OLHE O PROBLEMA SE UM DEFUNTO NÃO FALA QUEM FALA POR ELE

 A Bíblia é o único caminho seguro que nos esclarece e nos apresenta a identidade do farsante que diz haver comunicação entre os vivos e os mortos.

     Vamos falar a respeito da mediunidade que usa a consulta aos mortos (necromancia) não é novidade ela é citada na Bíblia já desde o Velho Testamento, isto é uma prática antiquíssima encontrada já dentro das primeiras civilizações, bem antes de existir bíblia, isto vem das religiões pagãs.

   Porém a Palavra de Deus revelada ao homem condena e cita tais práticas como ABOMINAÇÃO, essa atitude é tratado por Deus como uma ação detestável. O livro do Levítico, que é um compêndio das leis divinas, o Senhor denuncia tais práticas e que as tais não deveriam de haver entre o seu povo:

     “Não procurem a ajuda dos que invocam os espíritos dos mortos e dos que adivinham o futuro. Isso é pecado e fará com que vocês fiquem impuros. Eu sou o SENHOR, o Deus de vocês.” Levítico 19:31

    “Quando alguém se virar para os adivinhadores e encantadores, para se prostituir com eles, eu porei a minha face contra ele, e o extirparei do meio do seu povo.” Levítico 20:6

   “Os homens ou mulheres que, entre vocês, forem médiuns ou consultarem os espíritos, terão que ser executados. Serão apedrejados, pois merecem a morte.” Levítico 20:27

  Vemos, portanto, que para Deus a invocação dos espíritos e a consulta aos mortos são consideradas como ofensas graves a ele. Deus ordenou ao seu povo para que ficassem longe de tais práticas que eram realizadas pelos outros povos da terra, Deus não queria que seu povo se contaminando com estes atos ilícitos. E ainda hoje é assim porque Deus não mudou. “VIU”

   Esta mesma ordem é encontrada no livro do Deuteronômio, quando Moisés repete para o povo as leis proclamadas no Monte Sinai, antes deles entrarem na Terra Prometida, chamando o povo à obediência das leis divinas. Vejamos:

“ Quando entrarem na terra que o Senhor, o seu Deus, lhes dá, não procurem imitar as coisas repugnantes que as nações de lá praticam. Não permitam que se ache alguém entre vocês que queime em sacrifício o seu filho ou a sua filha; que pratique adivinhação, ou se dedique à magia, ou faça presságios, ou pratique feitiçaria ou faça encantamentos; que seja médium, consulte os espíritos ou consulte os mortos.

   O Senhor tem repugnância por quem pratica essas coisas, e é por causa dessas abominações que o Senhor, o seu Deus, vai expulsar aquelas nações da presença de vocês. Permaneçam inculpáveis perante o Senhor, o seu Deus. As nações que vocês vão expulsar dão ouvidos aos que praticam magia e adivinhação. Mas, a vocês, o Senhor, o seu Deus, não permitiu tais práticas. Deut. 18:9-14

   Um povo que tem um Deus que é soberano sobre todas as coisas, um Deus que é único, onisciente (tudo sabe), onipresente (está em todo lugar e em todo tempo) e onipotente (tudo pode), não precisa consultar aos mortos,
pois tem ao seu Senhor. O profeta Isaías, considerado como um dos maiores profetas do Antigo Testamento, fala em seu livro:

UM CONSELHO AOS DESAVISADOS

  “Se algum dia alguém disser você deve consultar um adivinho ou procurar um médiuns, para receber mensagens dos espíritos, ou seja consultar os mortos, fuja dessa arapuca isto é um engano aos vivos!.

    Veja o conselho de Deus para o seu povo:

 (Isaías 8:19-20)

  Quando, pois, vos disserem: Consultai os que têm espíritos familiares e os adivinhos, que chilreiam e murmuram: Porventura não consultará o povo a seu Deus? A favor dos vivos consultar-se-á aos mortos?

  Porque não podemos invocar os mortos?

  Porque não é lícito consultá-los?

   A Bíblia Sagrada ensina dizendo que os mortos, em seu estado após vida, não possuem parte, nem ciência de nada do que acontece na terra. Veja o que estar escrito no livro do Eclesiastes:

   “Pois os vivos sabem que morrerão, mas os mortos nada sabem; para eles não haverá mais recompensa, e já não se tem lembrança deles. Para eles o amor, o ódio e a inveja há muito desapareceram; nunca mais terão parte em nada do que acontece debaixo do sol.” Eclesiastes 9:5-6

E também

   “Tudo quanto te vier à mão para fazer, faze-o conforme as tuas forças, porque na sepultura, para onde tu vais, não há obra nem projeto, nem conhecimento, nem sabedoria alguma .” Eclesiastes 9:10

Ou ainda no livro de Jó:

   “Assim como a nuvem se esvai e desaparece, assim quem desce à sepultura não volta. Nunca mais voltará ao seu lar; a sua habitação não mais o conhecerá. ” Jó 7:9-10

No evangelho de Lucas, encontramos palavras do próprio Senhor Jesus que nos explicam estas questões:

  “Ora, havia um homem rico, e vestia-se de púrpura e de linho finíssimo, e vivia todos os dias regalada e esplendidamente. Havia também um certo mendigo, chamado Lázaro, que jazia cheio de chagas à porta daquele; E desejava alimentar-se com as migalhas que caíam da mesa do rico; e os próprios cães vinham lamber-lhe as chagas.

  E aconteceu que o mendigo morreu, e foi levado pelos anjos para o seio de Abraão; e morreu também o rico, e foi sepultado.E no inferno, ergueu os olhos, estando em tormentos, e viu ao longe Abraão, e Lázaro no seu seio.

   E, clamando, disse: Pai Abraão, tem misericórdia de mim, e manda a Lázaro, que molhe na água a ponta do seu dedo e me refresque a língua, porque estou atormentado nesta chama.

   Disse, porém, Abraão: Filho, lembra-te de que recebeste os teus bens em tua vida, e Lázaro somente males; e agora este é consolado e tu atormentado.E, além disso, está posto um grande abismo entre nós e vós, de sorte que os que quisessem passar daqui para vós não poderiam, nem tampouco os de lá passar para cá.

   E disse ele: Rogo-te, pois, ó pai, que o mandes à casa de meu pai, Pois tenho cinco irmãos; para que lhes dê testemunho, a fim de que não venham também para este lugar de tormento. Disse-lhe Abraão: Têm Moisés e os profetas; ouçam-nos. E disse ele: Não, pai Abraão; mas, se algum dentre os mortos fosse ter com eles, arrepender-se-iam. Porém, Abraão lhe disse:
  
   Se não ouvem a Moisés e aos profetas, tampouco acreditarão, ainda que algum dos mortos ressuscite. Lucas 16:19-31

    Na parábola de Jesus o homem rico havia levado uma vida longe de Deus e após sua morte foi para um lugar de aflição, enquanto Lázaro o mendigo foi para o seio de Abraão, lugar de descanso e prazer.

     O rico então pede que Lázaro vá ao encontro de cincos irmãos para avisá-los de sua situação, para que eles não fossem para o mesmo lugar de sofrimento em que ele se estava.

     Porem seu pedido lhe foi negado, Abraão diz essa comunicação não é possível, já que para alertar sobre estas coisas existem a lei e os profetas, ou seja, a Bíblia que é a Palavra de Deus, condena.

Vamos resolver a questão final, quem são os espíritos que se comunicam nas seções espíritas? E para quem as preces aos santos são dirigidas, a Bíblia responde e nos alerta, como nos diz Paulo em sua carta a Timóteo: RECOMEÇAR

 “O Espírito diz claramente que nos últimos tempos alguns abandonarão a fé e seguirão espíritos enganadores e doutrinas de demônios.”1Timóteo 4:1

   Se os espíritos dos cristãos mortos vão para o céu, e dos rebeldes e incrédulos vão para o inferno, só há uma explicação quanto à comunicação com estes espíritos: Eles são Os Demônios. Vejamos o que Bíblia nos fala dos demônios:

  “E foi precipitado o grande dragão, a antiga serpente, chamada o Diabo, e Satanás, que engana todo o mundo; ele foi precipitado na terra, e os seus anjos foram lançados com ele” Apocalipse 12:9

   “Estejam alertas e vigiem. O Diabo, o inimigo de vocês, anda ao redor como leão, rugindo e procurando a quem possa devorar. I Pedro 5.8

  Os demônios existem e estão ao nosso redor, conhecem a nossa vida e sabem muita coisa a nosso respeito, por isso podem passar-se facilmente por um de nossos entes queridos falecidos. A Bíblia nos diz que Satanás pode se fazer passar até por um anjo de luz para nos enganar, pois o diabo é mentiroso e seu principal objetivo é nos desviar do caminho correto.

Veja o que a Bíblia fala a este respeito:

   ”Vós tendes por pai ao diabo, e quereis satisfazer os desejos de vosso pai. Ele foi homicida desde o princípio, e não se firmou na verdade, porque não há verdade nele. Quando ele profere mentira, fala do que lhe é próprio, porque é mentiroso, e pai da mentira.”  João 8:44

   “Isto não é de admirar, pois o próprio Satanás se disfarça de anjo de luz Portanto, não é surpresa que os seus servos finjam que são servos da justiça. O fim deles será o que as suas ações merecem II Corintios 11.14-15

   Se o diabo aparecer com sua real aparência e falando de seus verdadeiros objetivos, ninguém lhe dará ouvidos. Por isso ele usa sua tática: a mentira. Através de palavras doces e de aparente inocência, leva o homem ao pecado e à destruição. Como nos diz Salomão no livro de Provérbios:

   “Há um caminho que ao homem parece direito, mas o fim dele são os caminhos da morte” Provérbios 14:12

   Para finalizar quero fazer uma ultima pergunta, quem prestar contas a Deus, quem segue o que encontra-se escrito na bíblia ou aqueles que a adultera.
                                              Smodger Silva

Nenhum comentário:

Postar um comentário